Estado de Alagoas

Página Inicial
História
Notícias
Cidades
Maceió
Símbolos
Alagoanos Notáveis
Governadores
Principais destinos
Gastronomia
Folclore Alagoano
Cultura
Economia
Esporte e aventura
Praias
Lagoas
Artesanato
Aeroporto
Teatro Deodoro
Curiosidades
Livro de Visitas
Links
E-Mail

Baião-de-dois

 

Ingredientes:

250 gr de charque
150 gr de toucinho fresco
2 1/2 xícaras de feijão mulatinho limpo, lavado e escorrido
1 cebola grande picada
2 dentes de alho amassados
1 1/2 xícara de arroz limpo, lavado e escorrido
1/2 xícara de leite de coco
Sal e pimenta do reino a gosto.

Modo de preparo:

De véspera, coloque o charque em uma tigela grande, cubra com água e deixe de molho até o dia seguinte, trocando a água 2 a 3 vezes para eliminar o excesso de sal.

Escorra, lave em água corrente e corte em cubos pequenos, corte também o toucinho em cubos pequenos.

Coloque o toucinho em um panela, frite em fogo alto até dourar, escorra a gordura e reserve; junte o feijão, charque, cubra com 2 litros de água e cozinhe até o feijão ficar quase macio, juntando mais água quente, se for necessário.

Coloque 2 colheres (sopa) da gordura reservada em uma panela, aqueça em fogo alto, acrescente cebola, alho, doure levemente, junte arroz, refogue mexendo sempre até ficar bem soltinho.

Tire do fogo, acrescente à panela com feijão, junte leite de coco, misture bem, tempere com sal e pimenta a gosto e cozinhe, até o arroz ficar macio.

Tire do fogo, passe para um prato de servir e leve à mesa.

Rendimento: 4 porções.

Sugestão:

O baião-de-dois também pode ser preparado com feijão-verde, isto é, o feijão comprado na vagem em que se debulha em casa.

Em outras versões, não se usa o leite de coco, o arroz é cozido no próprio caldo do feijão e, quase no final, acrescenta-se queijo de coalho cortado em cubos, à preparação.


Mapa do Site  |  Política de privacidade